II Encontro de Macau

Biblioteca Digital

Visite a nossa biblioteca online

Biblioteca Digital

Homenagem

Filipe de Sousa

Pianista, Compositor, Maestro, Investig

.Comunicações

.Comunicações

Consulte ou faça download da nossa newsletter

CONFERÊNCIA SOBRE MÚSICA E INSTRUMENTOS MUSICAIS CHINESES

CONFERÊNCIA SOBRE MÚSICA E INSTRUMENTOS MUSICAIS CHINESES

Numa iniciativa inédita em Portugal, decorreu no Centro Científico e Cultural de Macau, nos dias 23 e 24 de Maio de 2016, a conferência internacional Música e Instrumentos Musicais Chineses: 1ª. conferência de Lisboa.

A iniciativa teve como principal objetivo divulgar e sensibilizar o meio académico, nomeadamente etnomusicólogos e musicólogos e, ainda, estudantes de música dos diversos níveis académicos considerando, sobretudo, a inexistência do ensino desta matéria nas universidades, conservatórios e academias de música, em Portugal. A sua realização em 2016 e, eventualmente, em 2017 pode ser considerada como uma base preparatória para a realização da 22.ª Conference: CHIME European Association for Chinese Music Research que, em princípio, decorrerá em Lisboa, em 2018. A realização destas conferências, em Portugal, é fundamental para que, num futuro próximo, seja implementado o ensino da música/instrumentos musicais chineses, no âmbito da etnomusicologia e da musicologia histórica, nas universidades e escolas de música portuguesas.

A conferência foi organizada pelo Centro Científico e Cultural de Macau, em parceria com o Instituto de Etnomusicologia Música e Dança (Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa), o Instituto Confúcio (Universidade de Lisboa) e o Museu Nacional da Música, com o patrocínio da Fundação Jorge Álvares.

A conferência contou com a presença de oradores nacionais e estrangeiros: Salwa El-Shawan Castelo-Branco (INET-md, FCSH/UNL), Enio de Souza (Centro Científico e Cultural de Macau, INET-md, FCSH/UNL), Claire Chantrenne (Musée des Instruments de Musique (MIM - Bruxelles), François Picard (Université Paris-Sorbonne, Institut de recherche en musicologie), Shi Yinyun (Durham University, UK), Min Yen Ong (SOAS, University of London), Helen Rees (University of California, LA), Leonor Dias Azêdo (INET-md, FCSH/UNL) e Frank Kouwenhoven (CHIME European Foundation for Chinese Music Research, Leiden).

« voltar